Google+ Followers

Oriente Médio e Palestina

sábado, 17 de junho de 2017

A primeira Constituição brasileira. Da constituinte à outorga







1-O processo de Independência do Brasil concluiu-se durante o Primeiro Reinado (1822-831). Este
foi, contudo, um período conturbado da história nacional, em razão, entre
outros fatores, de contradições da vida política interna e da política
exterior. A esse respeito, julgue (C ou E) os itens a seguir.

(     )No Congresso do Panamá de 1826, em que se
discutiu a ordem hemisférica, a delegação brasileira fez a defesa da guerra que
o governo movia contra Buenos Aires pela posse da Província Cisplatina.

Parte superior do
formulário



Resposta:


Errada!!!
Estiveram ausentes da Conferência do Panamá, além do Brasil,
Os EUA, o Chile, a Argentina, o Paraguai, o Uruguai e o Haiti. O próprio mentor
da conferência, Simon Bolívar, não esteve presente pois estava envolvido na
intervenção no Peru. De fato, a Conferência tinha como objetivo discutir, entre
outras propostas, a criação de uma confederação de Estados americanos, proposta
já apresentada em 1815 na carta da Jamaica.

2- Com relação à Independência e às
primeiras décadas da formação do Estado imperial no Brasil, julgue a seguinte
afirmativa.
(   )  José Bonifácio, "o Patriarca da
Independência", deixou o legado de um pensamento voltado para a
preservação da unidade política nacional.

Resposta

Certo!!
Bonifácio foi um dos principais nomes da constituinte de
1823, defendia uma monarquia constitucional, pois acreditava que seria ideal
para manutenção da unidade nacional.

3- Uma das mais duradouras
guerras civis travadas no Brasil, a Farroupilha, ocorreu no Rio Grande do Sul,
ao longo de uma década (1835-1845). Relativamente ao período conhecido como
regencial, que se estende da abdicação de Pedro I (1831) ao Golpe da Maioridade
(1840), julgue a afirmativa abaixo.
(     ) Acusado de montar um
ministério que atendia exclusivamente aos interesses das elites locais, D.
Pedro I perdeu o apoio da influente comunidade lusa no Brasil, o que fomentou
clima de insegurança que tornou insustentável a manutenção do seu governo.


Resposta:


Errada!!

O “ministério dos marqueses” era formado por portugueses que,
na maior parte do 1º reinado, estiveram no poder e defendiam um poder
centralizado nas mãos do imperador.

4- Uma das mais duradouras
guerras civis travadas no Brasil, a Farroupilha, ocorreu no Rio Grande do Sul,
ao longo de uma década (1835-1845). Relativamente ao período conhecido como
regencial, que se estende da abdicação de Pedro I (1831) ao Golpe da Maioridade
(1840), julgue a afirmativa abaixo.

(   ) Na raiz da Guerra
Farroupilha encontra-se a forte influência republicana dos países fronteiriços
sobre estancieiros e charqueadores do Rio Grande do Sul, os quais, visando à
expansão de seus negócios, exigiram do governo imperial a proibição da entrada,
no mercado brasileiro, da carne salgada produzida no Uruguai e na Argentina.

Resposta:



Errada!!!



A Farroupilha, levante que desafiou a unidade do Império,
teve como causa principal a insatisfação dos estancieiros gaúchos com questões
fiscais que comprometiam sua capacidade de concorrer com o charque argentino e
Uruguai. Os farrapos estavam preocupados com o mercado interno, pois a
autonomia fiscal da regência concedida às províncias, aumentava a tributação do
produto gaúcho, que precisava atravessar, na forma de charque ou gado “verde”
várias províncias em sua rota de entrega. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

HOTWORDS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Follow by Email

Textos relacionados